Share

imprimir

Segurança no consumo de cafeína e café



31 Maio 2016

A cafeína é um composto químico, considerado um estimulante, presente no café, chás, refrigerantes, bebidas energéticas, doces e, também, em suplementos alimentares utilizados para a redução de peso e na prática de atividade desportiva. O café tem uma longa história na alimentação do Homem e, nos últimos anos, o seu consumo excessivo foi muitas vezes associado a problemas cardiovasculares, do sistema nervoso central e durante a gravidez.

Atualmente, a Autoridade Europeia para a Segurança Alimentar (EFSA) suporta cientificamente que a ingestão total de cafeína (independentemente da fonte) entre adultos, incluindo mulheres grávidas, limitada a um máximo de 200mg por dia, não representa quaisquer preocupações para a saúde.

Deste modo, o Serviço de Nutrição do Hospital de Sant’Ana (HOSA) recomenda a toma de 2 cafés diários, preferencialmente sem adição de açúcar ou de adoçante, e dentro de uma alimentação saudável, com ingestão limitada de bebidas com cafeína e doces, particularmente o chocolate.

Notícia disponível na webletter da SCML:
http://www.scml.pt/pt-PT/nossa_causa/webletter_18/

Copyright © 2014 - Hospital de Sant’Ana | Desenvolvido por